Novo sistema de bagagem do Galeão reduz tempo mínimo de conexão em 20%

Notícias recentes sobre o que acontece de mais importante voltar

Implementado pelo RIOgaleão – Aeroporto Internacional Tom Jobim em 2017, o sistema de Self Bag Drop já conseguiu reduzir em 20% o tempo mínimo exigido para as conexões domésticas de quem chega em voos internacionais. O serviço permite que o passageiro deposite sua bagagem diretamente da sala de desembarque internacional, após passar pela inspeção da Receita Federal, sem precisar se deslocar para o balcão do check-in doméstico para despachar sua mala para o próximo destino. Além da praticidade, o Self Bag Drop possibilitou que o RIOgaleão oferecesse conexões com um intervalo menor, aumentando ainda mais as facilidades do Aeroporto Internacional Tom Jobim que já é uma das principais portas de entrada e um dos mais importantes hubs do país.

O serviço é utilizado atualmente pela GOL Linhas Aéreas e pela LATAM Airlines, mas está disponível para todas as companhias aéreas que operam no aeroporto. Não há custo adicional aos passageiros. O Self Bag Drop já permitiu diminuir o tempo de dez conexões. São voos como os de Nova Iorque/Rio/Florianópolis; de Paris/Rio/Porto Alegre; de Orlando/Rio/Belo Horizonte ou o de Atlanta/Rio/Salvador.

A procura por conexões no RIOgaleão entre voos domésticos cresceu 12% e entre domésticos/internacionais, 15%, comparando-se os dados de 2016 e 2017. O aeroporto é um dos principais hubs do Brasil, o que permite conectividade com os principais destinos das regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul. Além de disponibilizar diversas opções de voos nacionais, o Aeroporto Internacional Tom Jobim se fortalece como principal ponto de conexão de turistas estrangeiros para outros destinos dentro do país – graças, também, à posição geográfica estratégica, que facilita a distribuição de rotas.

Conexões possibilitadas pela redução do tempo mínimo pelo Self Bag Drop

Nova Iorque – Buenos Aires
Nova Iorque – Florianópolis
Orlando – Belo Horizonte
Miami – Florianópolis
Miami – Congonhas
Paris – Porto Alegre
Amsterdam – Congonhas
Amsterdam – Curitiba
Amsterdam – Foz do Iguaçu
Atlanta – Salvador

 

 

Fonte: Diário do Rio